Topo

Conheça algumas das atrações gratuitas em Santiago, a capital do Chile. Circundada pela fascinante Cordilheira dos Andes, a cidade é plana e arborizada, então a dica principal é caminhar muito pelas suas ruas. No entanto, se preferir, o metrô é eficiente e fácil de utilizar.

Eu adoro Santiago, pois além de todo o charme, ainda existe uma infinidade de lugares para visitar, que vão dos museus riquíssimos de história e arte aos bairros mais descolados, repletos de cafés e barzinhos, passando por edifícios modernos e por diversos parques. Nesse post você vai conhecer 9 atrações gratuitas em Santiago.

Está planejando uma viagem para Santiago? Aproveite para ver o nosso guia gratuito de Santiago, com várias informações sobre hospedagem e dicas sobre a cidade!

Atrações gratuitas em Santiago

Para ajudar vocês na sua viagem, abaixo disponibilizamos um mapa com as atrações gratuitas em Santiago citados neste artigo!


Salve este mapa para usar durante a sua viagem – para visualizá-lo no seu Google Maps basta clicar na estrela, localizada no topo do mapa. Também é possível imprimir ou abrir em seu celular. Eu sempre utilizo esses mapas em minhas viagens para me auxiliar durante os passeios.

Está planejando visitar Santiago do Chile? Confira o que fazer na cidade!

  • Centro Histórico
  • Mercado Central
  • Palacio de la Moneda
  • Cerro Santa Lucía
  • Cerro San Cristóbal
  • Museo Nacional Bellas Artes
  • Templo Bahá’í
  • Parques
  • Passeio a pé gratuito

1. Centro Histórico:

O Centro Histórico de Santiago deve ser o primeiro programa do seu roteiro pela cidade. Por isso, a sugestão é que você inicie pela Plaza de Armas, o marco zero da capital e fundada sob o comando espanhol em 1541. É lá onde estão a Catedral Metropolitana de Santiago, o belo prédio dos Correios e o Museu Histórico Nacional.


atrações gratuitas em Santiago do Chile

Em uma visita à Plaza de Armas é possível ter uma imersão na cultura do povo chileno, já que muitas das festividades nacionais do país, acontecem por lá. Além disso, você tem a oportunidade de ver o cotidiano acontecendo.

Alguns exemplos de atividades do dia a dia que você encontra na Plaza de Armas: velhinhos jogando xadrez, dançarinos pelas ruas, vendedores ambulantes e, claro, os cidadãos locais andando de um lado para o outro, vivendo a sua vida.

  • Estação de metrô mais próxima: Estação Plaza de Armas (Linhas 3 e 5)

2. Mercado Central:

Ainda no centro, está o Mercado Central. Um passeio pelo seu interior proporciona uma experiência diferenciada, uma vez que já foi eleito um dos melhores mercados do mundo. Sendo assim, você encontra por lá, bancas que comercializam frutas, verduras, peixes e uma variedade de produtos locais.

Além disso, há restaurantes no Mercado, se tornando uma opção para almoço. Aliás, o mais famoso (e que atrai milhares de turistas) é o Donde Augusto especializado em frutos do mar. Porém, é importante deixar claro que há um grande assédio por parte dos garçons para que você almoce em determinado restaurante. Então, se optar por conhecer o local e não quiser comer nada por lá, a visita é rápida.

  • Endereço: San Pablo 967, Santiago
  • Horário de Funcionamento: de segunda a quinta, das 6h às 17h; sexta, das 6h às 20h; sábado, das 6h às 18h e domingo, das 6h às 17h
  • Estação de metrô mais próxima: Estação Cal y Canto (Linha 2)

3. Palacio de la Moneda:

Na Plaza de La Constitución fica o Palacio de la Moneda, sede do governo e do poder executivo. Construído em 1784, o local já foi palco de acontecimentos históricos, por isso uma visita ao Palácio de la Moneda irá contribuir de uma forma rica para a sua viagem. Um dos ocorridos mais expressivos que aconteceu no prédio, foi a morte do presidente Salvador Allende em 1973 durante um golpe militar comandado por Augusto Pinochet.

É possível fazer uma visita guiada e gratuita pelo interior do edifício. Mas para isso, é necessário preencher um formulário e agendar a sua visita com, pelo menos, duas semanas de antecedência. Há passeios durante a semana em quatro horários por dia (dois pela manhã e dois à tarde). Na visita guiada você conhece o famoso Pátio das Laranjeiras, assim como, salas e salões para eventos oficiais do governo.

Outro lugar para conhecer no Palacio de la Moneda é o Centro Cultural La Moneda, localizado abaixo da Plaza de la Ciudadanía. No Centro acontecem exibições artísticas nacionais e internacionais. Mas atenção, pois a entrada em algumas das salas é paga (a exceção acontece nas terças, quando o ingresso é grátis) e outras, possuem entrada gratuita (mediante a reserva). Por isso, acesse o site oficial, assim você consegue se informar sobre os detalhes necessários.

  • Endereço: Rua Moneda S/N, Santiago
  • Horário de Funcionamento: diariamente, das 9h às 17h
  • Estação de metrô mais próxima: Estação La Moneda (Linha 1)

4. Cerro Santa Lucía:

O Cerro Santa Lucía é um parque urbano e uma bela surpresa no meio de Santiago! Do alto você consegue apreciar uma linda vista panorâmica da cidade e, quando a poluição e as condições climáticas permitem, a visão da Cordilheira dos Andes é possível. Mas esteja preparado para subir algumas ladeiras, pois como o nome já diz, Santa Lucía é um cerro – e tem 65 metros de altura.

Uma vez lá no alto, é um ótimo refúgio para descansar durante um dia de passeios pela capital. Mas não só isso, em frente ao cerro, há o Centro Artesanal Santa Lucía, uma feira de artigos e objetos típicos artesanais. Então aproveite que está nas proximidades e visite a feira, pois é uma boa opção de local para comprar lembrancinhas e souvenirs, já que a variedade é vasta e os preços mais baixos.

  • Endereço: Rua Santa Lucia, Santiago
  • Horário de Funcionamento: das 9h às 19h
  • Estação de metrô mais próxima: Estação Santa Lucia (Linha 1)

5. Cerro San Cristóbal:

O Cerro San Cristobal está nos limites do Bairro Bellavista (região super turística) e com seus 280 metros de altura, é um dos cerros mais altos da cidade. Na verdade, San Cristóbal faz parte de um conjunto de montanhas, que formam o Parque Metropolitano de Santiago, sendo assim, uma enorme área verde em meio à capital chilena.


atrações gratuitas em Santiago do Chile

Se você optar por subir a pé, serão cerca de 40 min de caminhada, se preferir, pode optar por utilizar o funicular (porém terá um custo com o ticket). Lá de cima, tem-se uma vista linda de Santiago e, assim como no Cerro Santa Lucía, se a poluição permitir, você enxergará também, a Cordilheira. Além disso, lá no alto, há o Santuário da Imaculada Conceição. O complexo do Cerro San Cristóbal ainda conta com o Zoológico Nacional, piscinas públicas e diferentes jardins, como o Jardim Japonês.

  • Endereço: Pio Nono, 450, Bellavista, Santiago
  • Horário de Funcionamento: diariamente, das 8h às 18h
  • Estação de metrô mais próxima: Estação Baquedano (Linha 1)

6. Museo Nacional Bellas Artes:

O Museo Nacional Bellas Artes fica em um dos prédios mais lindos da cidade e é outro passeio da lista de atrações gratuitas em Santiago. No entorno, há um belo parque com esculturas do colombiano Fernando Botero. No entanto, seu acervo também merece atenção, já que conta com mais de 5 mil obras de artistas de diferentes nacionalidades.

A visita ao museu vale, não só pela exposição das obras de arte, mas também pela arquitetura do prédio, que é linda, como mencionei anteriormente. Em um estilo neoclássico, o projeto é do arquiteto Émile Jequier e tem o Petit Palais de Paris como maior inspiração. Na fachada também estão 22 medalhões homenageando grandes nomes da arte, como Da Vinci e Rembrandt, por exemplo.

  • Endereço: Rua José Miguel de la Barra 650, Santiago
  • Horário de Funcionamento: de terça a domingo, das 10h às 18h45
  • Estação de metrô mais próxima: Estação Bellas Artes (Linha 5)

7. Templo Bahá’í:

O Templo Bahá’í foi inaugurado em 2016 e é muito mais que um local de oração e adoração da fé Bahá’í. Aos pés da Cordilheira dos Andes e envolvido em uma natureza abundante ao eu redor, a arquitetura do templo se destaca de longe. Aliás, o projeto – do escritório canadense de arquitetura Hariri Pontarini Architects – já recebeu alguns prêmios.

O local está aberto ao público. Assim, a minha sugestão é que você aproveite o local para apreciar e contemplar. Sabe aquele momento de conexão consigo mesmo? Então, o Templo Bahá’í é um bom local para isso. Dica: ir pela tarde e presenciar, além da vista de Santiago, um belo pôr do sol. Por fim, por estar mais afastado do centro, o conselho é ir de uber.

  • Endereço: Diagonal Las Torres, 2000 – Peñalolen, Santiago
  • Horário de Funcionamento: de terça a domingo, das 9h às 19h

8. Parques:

Outras atrações gratuitas em Santiago são os parques! Como já mencionei, a cidade possui diversas áreas verdes. Então, se você tem mais tempo por lá, aproveite e conheça os parques!

O Parque de las Esculturas, por exemplo, é um dos mais bonitos e bem localizado. Situado no bairro de Providencia e próximo do shopping Costanera Center, o parque é, na verdade, um museu a céu aberto com esculturas e obras e arte.

  • Endereço: Av. Sta. María 2205, Providencia
  • Horário de Funcionamento: diariamente, das 8h às 20h45
  • Estação de metrô mais próxima: Estação Los Leones (Linha 1)

Já o parque o Bicentenário fica um pouco mais afastado do centro turístico, em Vitacura. A visita ao local é indicada, principalmente se você está viajando com crianças, pois há dezenas de brinquedos para os pequenos e ainda, é possível alimentar alguns animais, como os flamingos. O parque conta com banheiros públicos, food trucks e restaurantes também. Ah! E o skyline da cidade ao fundo, contrastando com o verde do parque é lindo!

  • Endereço: Av Bicentenario 3236, Vitacura
  • Horário de Funcionamento: devido a pandemia do Coronavírus, o parque não fica aberto 24h por dia, como de costume. Seus horários de funcionamento são das 8h às 20h, diariamente
  • Estação de metrô mais próxima: é mais conveniente ir até o parque de táxi ou uber, mas se preferir, a estação Tobalaba (Linha 1) fica distante cerca de 2km

9. Passeio a pé gratuito:

Free Walking Tour ou tour gratuito a pé é um tipo de programa onde você caminha por determinada região de uma cidade, em grupo e com um guia local. Ao final do tour, se puder e quiser, você paga uma contribuição ao guia, mas se não gostou ou se não tiver como desembolsar algum valor, ok. A modalidade existe em diversos lugares pelo mundo e já é bem disseminada.

Em Santiago, os grupos saem do centro, normalmente da Plaza de Armas ou então, do bairro Belas Artes. O percurso passa pelos principais pontos de interesse do turista, como o Palacio de la Moneda, Bairro Lastarria, Cerro Santa Lucia e outros. Espero que você tenha gostado das 9 atrações gratuitas em Santiago. Portanto, se você tem outras sugestões do que fazer por lá gratuitamente, escreva nos comentários!


Quer viajar sem stress? Confira as dicas abaixo:
• Reserve o seu hotel com antecedência através do Booking
• Consigo os melhores preços para alugar carro na Rent Cars
• Viaje para fora do Brasil com internet 4G
• Compre ingressos para passeios no mundo todo pela WePlann

Sou a Daniela, uma apaixonada por viagens desde que me conheço por gente! Amo viajar e tudo o que envolve o tema, por isso, também escrevo sobre esse universo. Tive a oportunidade de começar a viajar desde cedo, já morei fora duas vezes e conheci muitos lugares por aí. Adoro vivenciar novas experiências e mais ainda, compartilhá-las com as pessoas. Viajar me inspira e é transformador.

Comentários:

  • 18 de agosto, 2021

    Parabéns pelo conteúdo! Sou casada com um chileno e por isso já fui algumas vezes pra Santiago. Mas, mesmo assim, você incluiu informações que eu nem sabia haha. Amei 🙂

    reply...
    • 23 de setembro, 2021

      Fico muito feliz em saber que gostou das informações e que inclusive lhe ajudou de alguma forma 🙂

      reply...

postar o comentário